Cuidando dos sapatons

Comprar sapato novo é fácil (e uma delícia), só ter dinheiro. Difícil é manter a dignidade do pisante com o batidão do dia-a-dia. E infelizmente, ninguém está a salvo de uma rua esburacada, de uma poça de água ou até mesmo de uma pisada em falso. Tenho certeza de que todo mundo sabe o que é um pé na lama, rs.

Os calçados são sempre foco de observação do nosso interlocutor. Quando reparamos em alguém, geralmente o fazemos da cabeça aos pés ou dos pés à cabeça, não é mesmo? Isso significa que um calçado mal conservado tem um grande poder de influência negativa sobre a nossa imagem, por mais que o restante da produção esteja impecável.  Por isso, saber cuidar de um sapato é tão importante.

Alguns cuidados universais:

-Leia com carinho as instruções de conservação que vêm junto com a caixa do calçado. Esse é o primeiro cuidado.

– Não use o mesmo calçado por mais de um dia seguido. Nossos pés transpiram e os calçados precisam de um tempo para o que o suor evapore.

– Use calçados adequados para a temperatura de cada época do ano.

– Jamais lave um calçado na máquina de lavar. Submergi-lo totalmente em água pode deformá-lo internamente.

– Em caso de calçados molhados, estofe-os com jornal ou papel absorvente para ajudar a retirar o excesso de água.

– Sempre coloque o calçado para secar à sombra e em um ambiente arejado. O calor em excesso deforma o sapato.

Alguns cuidados a serem tomados conforme o tipo de material:

Camurça ou Nobuck

– Quando a sujeira for pouca, esfregue o calçado levemente com uma escova de cerdas feitas de latão.

– Algumas manchas podem ser removidas com borracha. Basta esfregá-la com delicadeza sobre a área.

– Se estiverem muito sujos, o jeito é lavar os calçados com um gel próprio para limpeza, tomando cuidado para não deixá-los completamente encharcados.

– Já existem produtos líquidos para uniformizar a cor da camurça/nobuck. Também existem sprays que protegem e impermeabilizam os calçados, evitando que eles sujem muito e absorvam umidade externa. Geralmente, as lojas que vendem calçados desse material possuem os produtos apropriados para sua conservação.

Tecido

– Use uma escovinha de cerdas macias e detergente neutro para limpar as manchas.

Couro

– Quando o calçado estiver apenas empoeirado, limpe-o com um pano de algodão seco. – Quando o calçado estiver sujo ou embarrado, remova os torrões com faca cega.

– Limpe o restante com uma esponja um pouco úmida e em seguida com pano seco, sem esfregar, pois as partículas de terra poderão danificar a superfície do couro.  Lembre-se de que o couro é transpirante e permeável. Por isto, água em excesso pode deformá-lo, alterar sua cor e enrijecê-lo.

– Engraxe-o constantemente para manter o aspecto de novo. Procure comprar produtos que já venham com aplicadores acoplados. É mais prático e faz menos sujeira.

– Hidrate o couro com uma pomada apropriada a cada três meses. Assim, ele não irá ressecar com facilidade.

Verniz

– Já existem produtos adequados para retirar as manchas de verniz dos calçados. Uma dica é a espuma de limpeza da Shoestock.

OBS: Calçados de verniz e sintéticos possuem acabamentos impermeáveis, o que retém o suor e a umidade durante o tempo de uso. Por isso, é bom ter cuidado redobrado com o descanso desses calçados.

Cuidados com as botas:

Valem as mesmas dicas de conservação de acordo com os materiais já citados acima. Mas atente-se para as botas que forem de cano mais longo. Coloque um porta-cano dentro de cada par, para que o couro não se danifique, ou encha-o com um saquinho de TNT com jornal amassado.

Cuidados com os saltos:

– Os mais finos são os mais difíceis de conservar, porque cabem em qualquer buraquinho que pisamos. O recomendado, portanto, é ter o máximo de cuidado e usar esse tipo de salto apenas em ocasiões onde ele é extremamente necessário.

– Quando um calçado perde um taquinho, o ideal é mandá-lo diretamente para o sapateiro colocar outro. Os taquinhos amortecem um pouco a pisada e protegem o restante do salto.

– Algumas marcas já se antenaram para a proteção dos saltos. A Arezzo, por exemplo, ano passado lançou os protetores da imagem abaixo. São excelentes, sobretudo, para as mulheres que dirigem de salto.

Por último, tenha sempre em mãos o contato de um bom sapateiro. O melhor médico em caso de emergências calçadísticas.

Imagens: Arezzo; Texto: Centro Tecnológico do Couro, Calçados e Afins – CTCCA; Produtos: Shoestock.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s