Artesanato com rolhas de espumante: a despedida

coração de rolhas

Quem vê um trabalho artesanal pronto nem sempre tem ideia da quantidade de material envolvida em seu processo de produção. Tinta dali, pincel de cá, cola de lá, potes e mais potes acolá… Se a gente não se policia, fica logo com a casa digna de um episódio de “Acumuladores”.

Exageros à parte, eu só queria dizer que continuo com a ideia de simplificação da vida e redução de acúmulos, seguindo aquele propósito de esvaziar a bagagem, lembra? E isso exige o desapego de muitas coisas. A primeira delas é minha sacola de rolhas de espumante. Pois é, estou doando!

Aí você pensa: “mas que presente de grego!”. Aí eu digo: “nada disso”. A moça que vos escreve já trabalhou exaustivamente com elas e está aqui pra provar que cortiça tem, sim, muita utilidade.

O projeto 01 está na EmMinas de setembro e também no meu Instagram (quem segue @anapossas vê primeiro :P). Precisei de duas noites pra terminar tudo porque a cola quente acabou no meio do processo e tive que usar a branca. Como você pode ver, é um mural em formato de coração. E posso falar que fiquei toda orgulhosa? Consegui pensar num faça você mesmo bonito e ainda enfeitei uma paredinha sem graça do meu quarto.

Gastei 60 rolhas de espumante;1 base de corte pra estilete (que você pode substituir por um vidro, por exemplo); 1 estilete; 1 pedaço de papel pardo (ou uma sacola de loja); lápis; cola branca extra (que cola outros tipos de materiais) ou cola quente; e fita dupla-face (pra colar na parede).

coraçãomateriais
Liga uma música e vai. Só tenha cuidado pra não se machucar.

Com o estilete, cortei as cabeças de rolha por rolha pra utilizar só a parte de cima, redondinha. Desenhei o coração na sacola de papel pardo e dei início ao trabalho de quebra-cabeça pra encaixar e colar as rolhas. Comecei pela fileira do meio e fui montando as outras em seguida. No dia seguinte, depois da cola secar, colei três pedaços de fita dupla face no verso e preguei na parede. Está bem firme.

coraçãonochão
Frente.
coração_verso
Verso. O papel é de sacola de loja, mas o que os olhos não veem o coração não sente :p. Não repara.

O projeto 02 eu fiz para o evento do Voluntário Coletivo que realizamos em maio. Mais simples que o primeiro, precisamos apenas comprar os arames de porta-recado, encontrados na Galeria do Ouvidor, em BH. Como resultado, os brindes das fotos. Simples e com significado! 🙂

porta-recado de rolha
Antes do vento derrubar tudo. Por Renata Urbano
porta-recado de rolha (2)
Depois que o vento derrubou. Por Renata Urbano

Então ficamos combinados! Caso queira algumas rolhas, só me dizer na mensagem ou em quaisquer das mídias sociais que eu separo e tento enviar pra você! 🙂 E se ainda está em dúvida, tem mais dicas aqui e aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s