Pendência 24: fazer meus próprios ímãs de geladeira

Eu sei que há uma febrezinha por aí. Pessoas de todos os lados fazendo seus próprios ímãs de geladeira, seja com fotos do Instagram, seja com imagens vintage, seja com qualquer outra coisa.

Uns meses atrás, vi uma blogueira mostrando algumas peças, em formato de letras, que havia comprado nos EUA. E pensei em adaptar a ideia. Comprei as folhinhas magnéticas e peguei revistas velhas, dessas que as editoras mandam de “brinde” pra gente e que parecem ser feitas para o recorte.

E aí que hoje foi o dia de cumprir mais essa. Enquanto acompanhava o sequestro do Tufão, ia cortando letrinha por letrinha. Vacilei demais no processo, muito mais simples se eu tivesse percebido que as folhas são adesivas.

Preciso dar mais espaço entre elas. Montei uma frase de uma música do Chico Buarque, mais parecida com a realidade de casa. Somos do tipo que sempre recebe gente, mesmo pra sentar com o prato no chão.

“Salta a cerveja estupidamente
Gelada prum batalhão
E vamos botar água no feijão.”

A única diferença é que, agora, quem costuma ir pra cozinha são os amigos mesmo. Foi-se o tempo dessa mulher aí.

 

Anúncios